Marcadores de virulência na determinação de patotipos diarreiogênicos de E. coli em pacientes de Unidades de Saúde do Município de Vitória-ES

Resumo: As diarréias infecciosas são um importante problema de saúde pública nos países em desenvolvimento. As de etiologia bacteriana, representadas principalmente por patotipos diarreiogênicos de Escherichia coli (DEC), por Shigella spp. e Salmonella enteritidis, estão diretamente relacionadas às condições de higiene e de saneamento básico da população. Seis patotipos de DEC são descritos e variam em prevalência conforme área geográfica. O diagnóstico laboratorial das DEC é limitado a poucos patotipos, apresentando ainda baixa especificidade na detecção. Este estudo objetiva evidenciar a presença de genes de virulência de patotipos de DEC por PCR, hibridização de colônia e aderência em cultura celular. Fezes de pacientes de todas as faixas etárias, encaminhadas para coprocultura no Laboratório Central da SEMUS e provenientes de todas as Unidades Básicas de Saúde são semeadas em meios seletivos e a identificação da espécie é realizada no Laboratório de Gastroenterite Infecciosa (UFES). Ácido nucléico extraído fervura é submetido a PCR (Mutliplex e Monoplex) para evidenciar genes de virulência (eae, bfp, EAEC, st, lt, stx1, stx2, ipaH) dos seguintes patotipos: enteropatogênicos típicos e atípicos (EPEC), enteragregativos (EAEC), enterotoxigênicos (ETEC), enteroinvasores (EIEC) e entero-hemorrágicos (EHEC). Padrão de aderência em cultura de células evidenciará os patotipos EAEC e DAEC. Este estudo permitirá conhecer no município de Vitória a prevalência dos diversos patotipos de DEC.

Data de início: 2007-12-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Colaborador Sonia Maria de Souza Kitagawa
Coordenador Liliana Cruz Spano
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105