Alterações genéticas em M. tuberculosis durante a fase de latência e suas possíveis implicações biológicas

Nome: Carlos André Cunha da Silva
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 09/03/2022
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Moises Palaci Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Liliana Cruz Spano Examinador Interno
Moises Palaci Orientador
Solange Alves Vinhas Examinador Externo

Resumo: A tuberculose (TB) é a doença infectocontagiosa mais antiga da humanidade, e ainda hoje representa um grande desafio. Causada por espécies do Complexo
Mycobacterium tuberculosis (CMTB) a doença possui ampla distribuição com
predomínio nas populações mais pobres e em países de menor desenvolvimento socioeconômico. Um grande problema relacionado a TB é a infecção latente, em que a bactéria se encontra no hospedeiro em uma forma quiescente denominada “dormência”. Apesar de estudos recentes quebrarem o paradigma do modelo binário de interação de MTB com o hospedeiro, o qual era constituído pelas formas de doença (ativa) e infecção latente (LTBI), pouco se sabe sobre o estado fisiológico do MTB durante o período de latência. Neste contexto, este trabalho possui como objetivo estudar alterações genéticas nos casos secundários a partir de seus respectivos casos índices e investigar possíveis alterações e suas implicações biológicas. Foram utilizadas análises de bioinformática em 24 cepas, por meio de genômica comparativa entre casos índices e seus respectivos casos secundários utilizando-se os softwares RAST, Snippy e Spades. As diferenças genéticas que levaram a alguma modificação
no caso secundário foram denominadas variantes ou variações. A análise dos dados indicou que a maioria das variações encontradas estavam nos subsistemas metabólicos relacionados a virulência e ao transporte de membrana, também constatamos que nos subsistemas relacionados a dormência e resposta ao stress não houveram variações. Não ocorrem alterações genéticas que levam a perda ou ganho de resistência de M. tuberculosis durante o período de dormência nos casos secundários.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105