ANÁLISE DE FATORES DE VIRULÊNCIA E DIVERSIDADE GENÉTICA DE Staphylococcus aureus RESISTENTE A METICILINA ISOLADOS DE ABSCESSOS MAMÁRIOS

Resumo: Este estudo possui como objetivo avaliar a presença de genes de virulência e a diversidade genética de Staphylococcus aureus resistentes à meticilina (MRSA) isolados de abscessos mamários de pacientes atendidas no Hospital Universitário Cassiano Antônio de Morais em Vitória. Este estudo possui caráter observacional, analítico e retrospectivo. Os dados epidemiológicos serão provenientes de prontuário de pacientes atendidos no setor de Ginecologia e Obstetrícia do HUCAM entre o período de Abril de 2017 a Abril de 2019. Serão realizados testes fenotípicos (difusão a partir do disco e microdiluição em caldo) para determinar o perfil de susceptibilidade dessas cepas aos antimicrobianos utilizados na prática clínica e testes moleculares para tipagem do staphylococcal cassette chromosome mec (SCCmec), identificação de genes de virulência e monitoramento da diversidade genética.

Data de início: 2019-05-01
Prazo (meses): 36

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Mestrado Nayara Carvalho Silva
Coordenador Ricardo Pinto Schuenck
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105