Avaliação sorológica Toxoplasma gondii em Gatos na Grande Vitoria Espirito Santo, Brasil

Resumo: A toxoplasmose, causada pelo protozoário Toxoplasma gondii, apresenta grande soroprevalência em humanos e animais em todo mundo. O perfil sorológico da infecção em animais domésticos, como gatos, é um indicativo da contaminação ambiental pelo parasito e do risco potencial para o homem. Acredita-se que a progressão e severidade da doença podem estar relacionadas com o hospedeiro e a genética do parasito. Dessa forma, torna-se extremamente importante o conhecimento da distribuição da doença e dos aspectos biológicos e moleculares desse parasito. O diagnóstico sorológico para avaliar a distribuição epidemiológica é realizado pela detecção das imunoglobulinas (IgA, IgG e IgM) produzidas contra o parasito por diferentes métodos, sendo a técnica de ELISA a mais comumente utilizada. O objetivo deste trabalho é realizar o levantamento sorológico de toxoplasmose em gatos provenientes do Centro de Zoonose, oriundo de municípios da Grande Vitoria - ES, sendo este pioneiro no Espírito Santo, resultará em benefícios para o conhecimento da distribuição da toxoplasmose. Este é o primeiro estudo de determinação da frequência de anticorpos anti-T. gondii em gatos no EspíritoSanto.Estes aspectos contribuirão para futuras pesquisas relacionadas com as diferentes manifestações clínicas, profilaxia e desenvolvimento de novos fármacos enfatizando o tratamento da toxoplasmose no Brasil.

Data de início: 2014-05-01
Prazo (meses): 60

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Blima Fux
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Maruípe, Vitória - ES | CEP 29043-900